Você sabe o que é Verbo?



Basicamente, o chamado Verbo é uma classe de palavras que pode se flexionar em número, tempo, pessoa, voz e modo. Além disso, o verbo também possuir a capacidade de indicar alguns outros processos como: Ação (andar), Estado (ficar), Ocorrência (nascer), Fenômeno (trovejar) ou desejo (ansiar). As principais características do verbo, em si, são as variadas flexões que o mesmo possui.
A seguir, vamos apresentar as Estruturas verbais existentes, assim como suas Formas Rizotônicas e Arrizotônicas e suas principais aplicações.

Estruturação de Formas Verbais

Conforme podemos observar a seguir, a forma estrutural de um verbo pode apresentar elementos denominados Radicais, Temas, Desinência modo Temporal e Desinência de Número pessoal. Sendo que:
  • Desinência número-pessoal: Esse modo é um elemento que, basicamente, designa pessoa, seja ela 1ª, 2ª ou 3ª ou até mesmo o número de seu modo, seja ele no plural ou singular. Como exemplo, podemos observar o Verbo Falar. Este quando em 1ª do singular, se torna Falo e quando em 3ª pessoa do plural se torna Falavam.
  • Radical: Não é nada mais do que significado em si do próprio verbo. Ou seja, como sua parte invariável. Por exemplo, a palavra Reagir, seu radical seria Reag ou Entender, cujo radical seria Entend.
  • Tema: Seria a finalização do radical que, quando completa, se torna o verbo em sentido próprio. Continuando a relação descrita acima. O Tema de Reagir seria IR. Assim como o Tema de Entender seria ER.
  • Desinência modo-temporal: este, designa o significado de tempo do verbo. Como algo que não mais acontece, pois se encontra no passado. Como a palavra olhávamos, que indica o pretérito imperfeito do indicativo do verbo olhar.

Formas Rizotônicas e Arrizotônicas

As formas rizotônicas são as formas verbais onde os acentos se encontram nos radicais. Ou seja, que não ocorre nenhuma mudança. Já na forma arrizotônicas, os acentos se tornam tônicos apenas nos finais dos verbos e não nos radicais.


Comentários

Postagens mais visitadas